Projeto Intervenções Bárbaras

Abraçar o projeto da universidade pública brasileira de maneira incondicional, tensionando ao máximo o que poderia ser o pensamento sem consequências e sem condição, para transformá-lo numa práxis, que então denominaremos de “prática da letra”.

© artsandculture.google.com

Dia 1 de outubro de 2020. Como mais uma intervenção bárbara de nosso ensino como ato poético, convidamos todos aqueles que se interessarem pela causa indígena, pelo cinema brasileiro e pelo cinema de André Luiz Oliveira a participarem da campanha de arrecadação de fundos para relançamento do filme “A lenda do Ubirajara”. 

Nossa campanha terá a duração de um mês, estendendo-se, portanto, até dia 31 de outubro de 2020. As contribuições, em qualquer valor, poderão ser feitas através de depósito bancário identificado para A Casa Tombada Produções Culturais ME—  Banco Itaú — Agência 0383 — Conta corrente 15305-3 — CNPJ 09.352.577/0001-37.

Abraçar o projeto da universidade pública brasileira de maneira incondicional, tensionando ao máximo o que poderia ser o pensamento sem consequências e sem condição, para transformá-lo numa práxis, que então denominaremos de “prática da letra”.

Enquanto esperamos os outros...

Os Professores Indígenas em Formação na UFMG e o RádioZap em Tempos de Covid19 - Comitê FIEI

Intervenções bárbaras: O ensino como ato poético

1 thought on “Projeto Intervenções Bárbaras”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.